Beleza dos fios

Cauterização Capilar, Botox Capilar, Reconstrução Capilar e Selagem Capilar – A Verdade e os Mitos!

27/07/2016 por Eduardo Motta

Gorgeous Romantic Girl Outdoors. Beautiful  Model in Short Dress in Field. Long Hair Blowing in the Wind. Backlit, Warm Color Tones
Gorgeous Romantic Girl Outdoors. Beautiful  Model in Short Dress in Field. Long Hair Blowing in the Wind. Backlit, Warm Color Tones

27/07/2016

Cauterização Capilar, Botox Capilar, Reconstrução Capilar e Selagem Capilar – A Verdade e os Mitos!

por Eduardo Motta

0

AS DIFERENÇAS ENTRE OS TRATAMENTOS CAPILARES

O assunto hoje a ser tratado é bem simples, mas causa confusão entre as clientes e até mesmo entre os cabeleireiros.Primeiro vamos entender o que é o cabelo: cabelo é uma proteína (morta) do sistema capilar (que é vivo). A proteína é formada por longas cadeias de aminoácidos unidos de ponta a ponta formando o fio de cabelo. Esta proteína, chamada de queratina, é composta por ligações químicas que seguram o cabelo em seu formato.

Todos estes procedimentos, listados no título, são tratamentos capilares voltados para a fibra capilar (fio de cabelo). A diferença entre eles está na concentração dos ativos, na atuação dos mesmo na fibra capilar e também na viscosidade, que está atrelada ao potencial de entrega dos ativos para o local a ser tratado. Fácil, não é?! No entanto, gostaria de te convidar a ler mais algumas informações para você entender melhor o porque desses nomes e a real atuação de cada um:

O QUE É CAUTERIZAÇÃO CAPILAR?
A cauterização capilar é um nome dado para determinados produtos cosméticos que atuam na superfície do cabelo (cutícula). O produto é desenvolvido em base mais cremosa associando uma alta concentração de queratina, lipídeos, ceras e manteigas. A aplicação do mesmo depende de recurso térmico (ex. chapinha) para aumentar o desempenho da fixação dos ativos no cabelo.

É um tratamento para os fios danificados, pois trata a porosidade excessiva dos cabelos, principalmente quando ele é processado por alisamentos de bases alcalinas e por mecanismo de descoloração. Por atuar em cutícula, a cauterização capilar é indicada para devolver o brilho e maciez nos CABELOS GROSSOS E CRESPOS bem como a redução de frizz.

O QUE É SELAGEM CAPILAR?
A selagem capilar é um tratamento muito semelhante à cauterização capilar. Carrega em sua composição uma carga importante de proteínas mais pesadas que vão atuar na cutícula (parte externa).  A diferença básica está em sua base que é um gel, fugindo um pouco do convencional (creme ou máscara).

Outra diferença entre selagem e cauterização é que a selagem é indicado para os CABELOS DE TEXTURA MÉDIO/FINO, com a finalidade de tratar a porosidade dos fios, fazer um envelopamento do mesmo melhorando seu potencial de reflexão que está atrelado ao fator brilho e retenção da cor. Portanto, um bom tratamento para os cabelos coloridos é a selagem, pois promove a proteção da cor e um aumento na durabilidade da mesma.

O QUE É BOTOX CAPILAR?
Normalmente, esse nome nos faz recordar do botox facial, porém são recursos distintos. O Botox capilar é nome dado ao produto que possui uma alta concentração de Ácido Hialurônico (reconstrutor) em associação com ativos antioxidantes que aumentam a flexibilidade e hidratação dos fios.

Ele é indicado para tratamento de fios que foram processados pelas escovas progressivas ácidas (pH muito baixo), onde a mesma causa uma desnaturação do córtex (parte interna dos fios rica em queratina) tornando-o frágil e quebradiço. Portanto, este termo normalmente está associado aos tratamentos capilares que visamos melhorar a resistência, elasticidade e maleabilidade dos fios.

O QUE É RECONSTRUÇÃO CAPILAR?
Reconstrução capilar é um termo utilizado quando temos um produto que atua na parte interna e externa dos fios. Isso é feito utilizando uma combinação entre ativos, como por exemplo, polímeros amino-funcionais que atuam por termo ativação, lipídeos importantes como 18-MEA (principal lipídeo para o cabelo), umectantes como PCa Sódico e uma pequena concentração de Ácido Hialurônico melhorar a capacidade de tensão do fio.

Este tipo de tratamento capilar é indicado para aumentar a resistência e corrigir porosidade dos fios. Além disso, melhora sua elasticidade, ou seja melhora o desempenho do cabelo frente aos agentes externos que causam oxidação (químicas e os efeitos físicos).

Como age os tratamentos capilares – fazem um “cimento” entre as células cuticulares corrigindo essas falhas.

Cutícula íntegra e cutícula danificada
texto 3_2
MINHA VISÃO CRÍTICA – DESVENDADO ALGUNS MITOS
“ Fui em um salão e fiz um botox, mas meu cabelo ficou mais liso. Eu realmente fiz um botox ? Ela me disse que era tratamento capilar e não progressiva. Posso confiar ? Como vou saber a diferença ?  Este é um comentário muito frequente das clientes.

O que tenho a dizer sobre…

PROVAVELMENTE VOCÊ FOI ENGANADA. SABE POR QUÊ?
O Botox ou qualquer outro procedimento que tem como função tratar os cabelos, não deverá romper as ligações de enxofre que dão a forma ao cabelo natural.  A mudança do formato do cabelo só ocorre quando essas ligações são rompidas durante um alisamento. Portanto, se seu cabelo alisou ou mudou de forma após ter sido lavado, fique atento, pois não é botox e sim algum alisamento ou progressiva.

¨Muitos imaginam que apenas a química danifica o cabelo, mas já recebi vários pacientes com os fios danificados e quebrados após realizar uma cauterização com queratina. O fato é que estes tratamentos não são livres de riscos.¨ comenta Dra Anaflávia.

DICAS ANTES DE FAZER QUALQUER TIPO DE TRATAMENTO CAPILAR:
1) Quando o assunto é tratamento capilar, procure um especialista em cabelos, de preferência, um tricologista ou terapeuta capilar;

2) Pergunte sempre para o profissional qual é o princípio ativo do produto que o mesmo ofereceu a você;

3) Sinais de perigo: Se o produto arder seus olhos, precipitar uma tosse ou prurido nasal, peça para o profissional interromper o processo e levante-se da cadeira. Peça para olhar o produto que foi utilizado, tire uma foto frente e verso e leve para um tricologista ou terapeuta capilar avaliar.

Mudanças no cenário da beleza dos cabelos vêm acontecendo e alguns profissionais ao invés de enriquecer, evoluir e trabalhar da forma correta neste mercado que é muito promissor, vem empobrecendo a área e mudado algumas questões conceituais para esconder a verdade do cliente e do próprio profissional da beleza. Por isso, a saída é procurar sempre um profissional especialista em cabelos que seja competente e de confiança.

Espero ter ajudado vocês! 😉

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

  • Melo, M. S. A evolução dos tratamentos capilares para ondulações e alisamentos permanentes, UFGRS.
  • Halal, J. Tricologia e a química cosmética capitar.