Saúde do couro cabeludo

OUTONO PARA OS CABELOS

05/03/2018 por Drª Anaflávia Oliveira

OUTONO PARA OS CABELOS - COMO SABER SE ESSA FASE DE QUEDA É NORMAL OU É UM PROBLEMA?
OUTONO PARA OS CABELOS - COMO SABER SE ESSA FASE DE QUEDA É NORMAL OU É UM PROBLEMA?

05/03/2018

OUTONO PARA OS CABELOS

por Drª Anaflávia Oliveira

0

OUTONO PARA OS CABELOS: COMO SABER SE ESSA FASE DE QUEDA É NORMAL OU É UM PROBLEMA?

Recebi recentemente o convite de uma jornalista de uma grande rede de farmácias para falar deste tema na revista do mês. Gosto muito de falar sobre esse tema, pois quando falamos de ciclo capilar, estamos falando de fases inerentes ao ciclo da vida, seja do cabelo, das plantas e até de nossas próprias vidas. Às vezes, assustamos e às vezes levamos de forma leve e suave. Ela me fez algumas perguntas que achei bem interessantes e vou compartilhar aqui com vocês.

Jornalista: É verdade que a gente perde mais cabelos durante o outono? Se sim, por quê?

Os cabelos, em particular sua estrutura viva, o folículo piloso, também passam por ciclos, assim como as plantas, as estações e nossas vidas. Há meses que a maior parte dos fios se encontra na fase de crescimento (a primavera para os cabelos) e há meses que boa parte dos fios se encontra na fase de queda (o outono para os cabelos).

Em uma grande parte da população, a fase do outono para os cabelos pode coincidir com a estação do ano. Isso é explicado, pois a luz solar mais intensa da primavera e do verão estimula a fase anágena (de crescimento) do ciclo capilar.  E como é esperado, esses fios que cresceram e se desenvolveram durante esta fase, entram para a fase telógena (fase de queda) em um segundo momento que pode coincidir (mas, nem sempre) com o outono e inverno das estações do ano. É uma fase que nem sempre desejamos, pois queremos sempre ter mais e mais volume nos cabelos, mas assim como uma árvore tem sua fase de esplendor chegando ao auge com o máximo de folhas, flores e frutos, com posterior seca e queda das mesmas dando abertura para que um novo ciclo recomece –  Assim, também é o cabelo.

OUTONO PARA OS CABELOS - Fase de crescimento(anágeno), repouso(catágena) e queda dos cabelos (telógena)

Fase de crescimento(anágeno), repouso(catágena) e queda dos cabelos (telógena). O fio demora vários meses para se desprender completamente do couro cabeludo

Jornalista: Por que perdemos fios de cabelo? Qual a quantidade normal de queda? A partir de quantos fios devemos procurar ajuda?

Para quem está passando por algum problema capilar há algum tempo, essa fase de outono dos cabelos, pode ser muito angustiante, pois essa queda vem de forma muito mais intensa com redução importante do volume dos cabelos. Quem já tem pouco cabelo ou possui os cabelos finos sofre ainda mais.

Em média, uma queda para ser considerada normal não deve ultrapassar 100 fios por dia. Mas, isso é muito relativo já que pessoas com baixa densidade de fios, perder essa quantidade é muito e o suficiente para reduzir muito o volume do cabelo.

Outra questão que deve ser considerada é o tempo. Se essa fase persistir por muitos meses, algo pode estar errado e o que é fisiológico (normal ou esperado), pode virar um problema. Infelizmente, a maioria das pessoas não consegue diferenciar o normal do patológico.

Por isso, oriento os pacientes a fazer uma prevenção e procurar o médico e/ou tricologista para estar certo de que está tudo bem. Quanto mais cedo se faz um diagnóstico e intervém corrigindo o problema, melhores e mais rápidos são os resultados. Sem contar que com os recursos disponíveis atualmente, conseguimos muitas vezes corrigir alguma alteração sistêmica antes mesmo dessa condição afetar os cabelos.

Jornalista:  O que podemos fazer para prevenir a queda de cabelos, principalmente no outono? Quais tipos de tratamento são os indicados em caso de perda excessiva?

Se for apenas uma queda fisiológica (dentro do esperado para aquele ciclo), ou seja, menor que 20%, não há nenhum tratamento específico. Em pouco tempo, o ciclo passará para a fase seguinte, a do crescimento,  e o volume do cabelo voltará ao normal, mesmo sem nenhuma intervenção.

A grande pergunta é: Essa queda é patológica (anormal)? Se houver dúvida na resposta, oriento passar em consulta, de preferência com o médico que tenha experiência em tratar os problemas capilares. Há exames específicos neste caso e que podem ser solicitados durante check-up. A tricoscopia (exame de microscopia do couro cabeludo) também é de grande valia durante a consulta e o paciente consegue inclusive acompanhar este exame na tela do computador.

Espero ter ajudado e até breve!

Informação também é luz!

#novomundo

Quer conhecer mais sobre os tratamentos capilares realizados pela nossa equipe multidisciplinar na Clínica Folyic? Acesse www.folyic.com.br ou ligue para (11) 2769-1796 / 96919-0354.