Beleza dos fios

DIAGNÓSTICO CAPILAR DOS FIOS APÓS PROCESSOS QUÍMICOS

14/03/2018 por Drª Anaflávia Oliveira

DIAGNÓSTICO CAPILAR DOS FIOS APÓS PROCESSOS QUÍMICOS
DIAGNÓSTICO CAPILAR DOS FIOS APÓS PROCESSOS QUÍMICOS

14/03/2018

DIAGNÓSTICO CAPILAR DOS FIOS APÓS PROCESSOS QUÍMICOS

por Drª Anaflávia Oliveira

0

AVALIE DE FORMA OBJETIVA OS REAIS DANOS CAUSADOS PELAS LUZES, ALISAMENTOS E COLORAÇÕES

Até então, a maioria das pessoas já tem plena consciência de que fazer luzes, alisamentos ou colorações causam algum tipo de impacto no cabelo. Com variações que vão do leve ao grave, a maioria acaba percebendo um certo grau de ressecamento, porosidade, afinamento ou fragilidade dos fios após passar por um desses processos químicos, não é mesmo?!

Hoje, quero trazer uma novidade da tricologia e nanotecnologia para vocês. Tenho certeza de que quem está com o cabelo danificado, fragilizado ou quebradiço por alguma química capilar que tenha feito ou quem está com receio de fazer, pois não sabe se o cabelo vai suportar a química, vai se interessar muito por esse assunto.

A Novidade no Diagnóstico Capilar sob Medida

Conseguimos realizar por meio de um microscópio eletrônico, a nano microscopia, analisar a superfície do fio de cabelo com capacidade de aumentá-lo em até 10.000x.

O que conseguimos avaliar na Nano Microscopia?

  • Grau de resistência, elasticidade e maleabilidade de seu cabelo
  • Porcentagem da queratina danificada de seu cabelo
  • Nível de hidratação de seu cabelo (água e lipídios)
  • A integridade da estrutura externa do cabelo, a cutícula
  • Nível de alinhamento das cutículas
  • Danos na cutícula
  • Condicionamento da cutícula

Por exemplo, você receberá o resultado do exame (diagnóstico capilar) com as seguintes informações  e comentários:

CORE CAPILAR – As estruturas internas do seu cabelo estão com boa integridade, denotado pelo resultado de resistência da queratina, com uma perda de 10%. Essa redução está relacionada ao uso de coloração temporária. O decréscimo da maleabilidade no seu cabelo está um pouco maior e relaciona-se à perda de água e lipídeos (gorduras). Existem duas maneiras da água se ligar ao seu cabelo. Uma mais forte, ligada à queratina, chamada água estrutural. A outra, se liga de maneira mais fraca (água absorvida) e entra e sai do cabelo com os processos de lavagens ou de acordo com a própria umidade do ar. A redução de água no seu cabelo ocorreu pelo uso de tintura temporária. A cutícula do seu cabelo apresenta-se íntegra na maioria das regiões, o que é um bom sinal, pois essa estrutura protege seu cabelo de agressões externas como: poluição, temperatura e perdas de nutrientes. No entanto, observamos algumas regiões desgastadas e abertas devido ao uso de coloração. A queratina íntegra do seu cabelo, isto é, a que está saudável é de 90%. A que não está saudável, ou seja, a queratina que seu cabelo perdeu, é de 10%. Essa perda é considerada pequena e está dentro do limite de erro. A queratina é a proteína que forma o cabelo. É ela a responsável por sua força e integridade. Seu cabelo está com a queratina mais íntegra que 93% das pessoas que fizeram o teste. Seu cabelo está cerca de 14% menos maleável que o padrão, ou seja, com perda de 14% de sua emoliência. Isso se deve à perda de água e lipídeos, e já é considerada uma redução significativa, demonstrando que seu cabelo precisa de tratamento. A maleabilidade do cabelo está relacionada à matriz que envolve a queratina. É nela que ficam a água, os lipídeos e a maioria dos nutrientes do cabelo. Seu cabelo está com cerca de 14% a menos de deformação que um cabelo padrão semelhante ao seu. Cerca de 40% das pessoas que realizaram esse teste apresentam redução maior que a sua. Cutículas saudáveis com pequenas regiões apresentando desgaste, devido ao uso de coloração semi-permanente (tonalizantes).

Teste de Resistência do Cabelo

Teste de Resistência do Cabelo

Estrutura do cabelo e queratina

Estrutura do cabelo e queratina

O que vocês acharam? Quando recebemos a visita aqui na clínica, no ano passado, da pesquisadora que trouxe esse recurso de diagnóstico até então utilizado apenas em grandes universidades afins de pesquisa para a prática clínica (profissional e paciente), ficamos muito contentes. Ter a possibilidade de avaliar de forma objetiva os danos causados pelas químicas capilares (força, integridade e maleabilidade do cabelo medida por um teste de core capilar) ajuda o médico e/ou tricologista a traçar um planejamento antes de fazer qualquer tipo de química capilar ou plano de tratamento ainda mais específico e totalmente personalizado, de acordo com o seu resultado de exame.

Caso tenha se interessado em fazer o exame, só entrar em contato com nossa equipe e agendar a avaliação. Você vai passar a saber mais sobre seu cabelo e assim, complementar e incrementar sua rotina de cuidados tanto em casa quanto no salão. E ficará feliz e segura com o seu cabelo. Caso conheça alguém que está passando por algum problema referente a química capilar, compartilhe o texto.

Informação também é luz!

Espero que tenham gostado e até breve.

Quer conhecer mais sobre os tratamentos capilares realizados pela nossa equipe multidisciplinar na Clínica Folyic? Acesse www.folyic.com.br ou ligue para (11) 2769-1796 / 96919-0354.