Estilo de Vida

DRA. ANAFLAVIA: HUMANA, MÉDICA E TRICOLOGISTA

16/08/2019 por Drª Anaflávia Oliveira

Dra. Anaflavia - Humana, médica e tricologista - Blog FOLYIC
Dra. Anaflavia - Humana, médica e tricologista - Blog FOLYIC

16/08/2019

DRA. ANAFLAVIA: HUMANA, MÉDICA E TRICOLOGISTA

por Drª Anaflávia Oliveira

0

MÉDICA E TRICOLOGISTA APAIXONADA POR DESENVOLVIMENTO HUMANO

Por que além de médica e pós-graduada em dermatologia e medicina estética, eu quis ser e obter o título de tricologista? Como o universo dos cabelos e a ciência chamada Tricologia entraram na minha vida na mesma época que resolvi permanecer em São Paulo? O que priorizo quando atendo os pacientes com queda, calvície, dermatites e alopecias diversas?

A MEDICINA

Hoje me deu vontade de mudar o assunto. Nada de informação técnica! E pensando o que gostaria de conversar com vocês, passaram várias idéias na mente. Tenho recebido tantas palavras de carinho e incentivo, que cada vez mais tenho vontade de escrever mais e de falar com vocês sobre outros assuntos também. Isso me fez pensar: Por que não começar falando um pouco de mim? Será que as pessoas têm vontade de saber um pouco mais sobre mim e minha história?

Não me sinto atraída pelas redes sociais, não é muito minha vibe (vocês já devem ter percebido, né?). Nasci para ser médica. Acho que nem sabia falar direito, mas lembro de falar desde muito pequenina que queria ser médica. Sempre fui uma pessoa precoce. Me formei muito cedo. As condições não eram nada favoráveis, mas com muita dedicação minha, esforço dos meus pais e ajuda de Deus, conseguimos.

Era literalmente “rata” de UTI (jargão que dizemos), pronto-socorro e pacientes graves nas enfermarias, especialmente na cardiologia. Jurava que seria Cardiologista. Meu tio é cirurgião vascular, já tinha me convidado para fazer parte da equipe e tinha uma estrutura toda montada em Goiás, só me esperando.

Ao fazer a inscrição para as provas de residência, resolvi mudar de área.

Resolvi fazer Dermatologia. Ao fazer as entrevistas, sempre me questionaram a escolha, pois os congressos, estágios e cursos presentes em meu currículo eram todos relacionados à cardiologia. 

A DERMATOLOGIA

Enfim, terminei dermato e medicina estética e o resultado foi me sentir completamente fora do lugar. Não me identificava. Até tentei focar em cirurgia dermatológica, mas não me encantou. O que mais gostei durante todos estes anos eram os problemas capilares, mas como não era o foco principal da Dermatologia, então pensei:

“Deve ter muito mais que isso, preciso estudar e me aprofundar mais neste assunto…”

A TRICOLOGIA

E assim, comecei a procurar cursos e me encantei com o que encontrei. Voltei a estudar as doenças sistêmicas (clínica médica) e a bioquímica que desde os tempos de cardiologia eu amava e havia deixado de lado. Tudo que já havia estudado e aprendido que parecia “estar perdido”, agora fazia todo sentido, pois descobri que o cabelo nada mais era que um reflexo da saúde e um marcador precoce de diversas patologias.

Descobri outros universos como a nutrição, a terapia capilar, o visagismo, a cosmetologia capilar, a fitoterapia, a naturologia, a psicossomática e o comportamento humano.

E por último, as terapias holísticas (a saúde integrativa) e um pouco dos conceitos da medicina chinesa, ayurveda (indiana) e antroposófica. Não sou especialista em nenhuma destas últimas, mas cada uma delas, me ensinou e muito, expandiu minha visão e posso dizer que mudou completamente meu raciocínio clínico e o entendimento do funcionamento do corpo humano.

Hoje, consigo integrar muito melhor as peças do quebra-cabeça do histórico de saúde do paciente e atuar em sua saúde como um todo (não só o cabelo). Um entendimento profundo que significa a saúde integral do ser humano.

Conheci pessoas incríveis e aprendi muito com outros profissionais que não são médicos!

Há anos atendo o dia todo pacientes com problemas capilares diversos em São Paulo, aqui em Moema. Ao longo do tempo, conseguimos entender o quanto a persistência (o foco) e o quanto aquele famoso banco de horas para você dominar uma habilidade faz todo sentido – entendemos o real significado do que significa experiência – Quem já leu o livro Outliers? Tenho muito a aprender… não existe fim, quanto mais estudamos, mais percebemos que sabemos pouco e que precisamos estudar mais e mais.

O corpo humano é um microcosmo, portanto, assim como o universo ele é infinito, complexo e misterioso, e talvez seja por isso que tenho muito receio de quem tem muitas verdades.

Prezo pela união do conhecimento aliado a sabedoria com o tempero do bom senso/equilíbrio.

Hoje, me sinto realizada em fazer o que faço e minha maior alegria é ver a transformação da saúde na vida das pessoas. É algo muito profundo, complexo e desafiador, mas sempre gostei de desafios e casos graves. Então, está tudo certo.

O FUTURO

Bem, não sei do meu futuro, mas começo uma nova fase na minha carreira, completamente diferente de tudo que pensei fazer. 

E a vida nos surpreende de forma positiva também.

Confio no chamado da minha alma e sigo confiante.

Disposição, dedicação, disciplina e persistência – ah disso, eu entendo bem 🙂

Enfim, espero que tenham gostado de saber um pouco mais de minha trajetória profissional.

Meu currículo formal para quem quiser ver (que, na verdade, precisa até ser atualizado), está no site da Clínica Folyic e em www.draanaflavia.com.br.

Se gostaram, me deixem saber, será um prazer conversar mais com vocês.

Quem sabe não falo mais sobre mim, da minha vida pessoal, o que penso sobre a vida e das coisas que fazem meu coração vibrar e me inspirar.

Caso conheça alguém que ficaria feliz em saber mais sobre essas questões, compartilhe!

www.folyic.com.br

Instagram: @folyic.tricologia.natural

Facebook: Folyic Tratamento Capilar